Rota 3 Agencia Full
nossas midias sociais

Como fazer sua empresa se tornar atraente?

Escrito por Herica Ponsiana 01 de Setembro de 2017
Como fazer sua empresa se tornar atraente?

No livro do Simon Sinek , chamado ( POR QUÊ - Como motivar pessoas e equipes a agir) traz uma reflexão como podemos aprender com a Apple, Disney, Harley- Davidson, entre outras empresas que muitas vezes sem entender amamos e admiramos seus propósitos.

O autor retrata que a maioria das organizações explicam O QUE FAZ, algumas explicam COMO FAZ, mas poucas dizem exatamente o POR QUÊ FAZEM.

O porque não é o dinheiro ou lucro, mas são POR QUÊ sua organização existe? POR QUÊ você faz o que faz? POR QUÊ os clientes compram da sua empresa? POR QUÊ os seus funcionários o segue como líder?

Ao estudar os líderes de maior influência Simon descobriu que todos pensam, agem e se comunicam exatamente da mesma maneira e ele chama este padrão de pensamento e comportamento de sucesso de Círculo de Ouro, que fornece a estrutura sobre qual as organizações podem ser construídas, movimentos podem ser liderados e as pessoas podem ser inspiradas e tudo começa pelo o POR QUÊ. 

Este é o Círculo Dourado, no qual utilizo bastante em meus treinamentos e processo de executive coaching. Parece que é bem simples, mas quando pergunto para um executivo porque sua empresa faz o que faz? Um silêncio e muita reflexão geralmente se instala.

Quando pergunto porque um vendedor faz o que faz? Quando pergunto ao um líder porque faz o que faz? 

Geralmente as pessoas demoram mais tempo para responder do que o convencional

O QUE VOCÊ FAZ?
Isso se dá ao padrão que há anos as pessoas vem utilizando e principalmente acabam utilizando a razão para definir seu negócio. 

Ao questionarmos e refletirmos sobre o POR QUÊ e o COMO atingimos diretamente o sistema em nosso cérebro que trata as emoções no qual chamamos de límbico. Já o O QUE, a empresa/profissional diz ou faz representa o pensamento racional e a linguagem do neocortex. 

O autor reforça que "Ao comunicamos de fora para dentro, quando comunicamos o que fazemos primeiro, as pessoas podem entender vastas quantidades de informações complicadas, como fatos e características, mas isso não orienta o comportamento.

Mas, quando comunicamos de dentro para fora, falamos diretamente à parte do cérebro que controla o processo decisório e a parte da linguagem do nosso cérebro nós permite racionalizar essas decisões;

Ocorre que as pessoas mudaram seus comportamentos e querem comprar sua causa, seus benefícios, seus propósitos. A Apple comunica seu serviço utilizando o ciclo de ouro de dentro para fora. Veja só os exemplos quando utiliza o Ciclo e quando não utiliza. Perceberá a diferença.

Se a Apple fosse como todas as outras empresas seu argumento de vendas seria algo assim:

Nós fazemos computadores incríveis. Eles têm um design lindo e são fáceis de usar. Quer comprar?
É assim que a maioria pensa, comunica e vende.

Mas a Apple vende o quão diferente ela é:

Em tudo o que fazemos acreditamos em desafiar o statuos quo. Acreditamos em pensar diferente.
Por isso, o fato de nossos computadores serem incríveis apenas acontece.
Na análise do Círculo Dourado, a diferença é esta.

Segundo exemplo:
Imagine uma empresa que quer anunciar um produto novo, um DVR (uma espécie de gravador digital), por exemplo.

A maioria anunciaria algo como:
"Esse é o novo (nome do super produto!), ele pausa TV ao vivo, pula comerciais, grava os seus programas favoritos e mais! Ele consegue aprender sobre o que você gosta, e gravar programas similares sem que você tenha que pedir!"

Então, interessados?
Realmente, o produto até parece bom, mas muitos consumidores poderiam apenas olhar e falar “meh”.

Agora veja essa nova possibilidade à partir da reflexão do círculo de ouro:
"Você gosta de ter controle de tudo o que faz? Quer ter a liberdade de assistir aos seus programas de TV favoritos a qualquer momento? Quer pular comerciais chatos? E tudo isso de uma maneira simples e intuitiva? Nós temos a resposta! Esse é o (nome do produto super incrível)! Ele pausa TV ao vivo, grava todos os seus shows favoritos sem você ter que pedir e pula os intervalos comerciais!".

A diferença como pode ver é muito grande.

Então eu desafio a pensar diferente para seu negócio, empresa, como profissional, executivo, líder reflita nestas perguntas:
Porque você faz o que faz?
Porque seus funcionários o seguem como líder?
Porque seu cliente compra de você?
Como você faz o que faz?
O que você faz o que faz?
Qual sua causa? Qual seu propósito?

Tenho certeza que vai se surpreender com a reflexão e mudar bastante coisa na forma que se comunica atualmente. 
Se você gostou deste conteúdo? Deixa seu comentário ou ajude compartilhando ou deixando seu like. :)

Herica Ponsiana
Life Coach; Executive Coach; Membro da International Association of Coaching; Praticante de PNL; Certificada Cambridge e Business na Austrália; Fundadora da empresa OneMind Desenvolvimento Humano. Graduada em Comunicação Social e Especialista em Inovação, Organização e Gestão de Pessoas pela FGV e +10 anos de experiência na área comercial e gestão de equipe.

Acesse: www.onemind.com.br

instagram


    facebook